>

O que é e qual a função da biela do motor?

O que é e qual a função da biela do motor?

Quando o carro apresenta qualquer tipo de falha, logo se imagina a maior dor de cabeça. Que o motor está com problemas, o dinheiro que teremos que gastar, quanto tempo pode demorar o conserto, entre outras preocupações. Mas não só de motor o carro é feito, não é mesmo? Então, ao levar o veículo no mecânico, ele pode dizer que é apenas um problema na biela.

Mas, afinal, o que é isso? Biela é qualquer peça que tem como função mudar o movimento retilíneo alterado em circular contínuo. Em geral, é feita de aço forjado, tendo suas formas adaptadas conforme cada configuração e tipo de motor.

O pé dessa peça é fixado no pistão por meio de um pino que permite que ela se mova lateralmente, enquanto a peça também se move para cima e para baixo. A cabeça da biela fica conectada ao virabrequim, que tem como função gerar torque e força, transformando o movimento em um movimento circular.

No caso de motores de combustão, é ela quem transmite a força recebida pelo pistão para o virabrequim, sendo uma peça fundamental para que o motor se movimente. É exatamente por esse motivo que a peça exige mais cuidado, pois caso falhe, pode falhar toda a sincronia do motor.

Ou seja, a biela não é uma peça de baixa importância. Ela é fundamental para o bom funcionamento do motor, mantendo sua sincronia e sendo a peça responsável pelo movimento do pistão.

Quais os possíveis motivos de desgaste na biela e o que isso pode gerar no motor?

Existem diversas possibilidades para seu desgaste, como motor desregulado, gasolina de baixa qualidade, falta de manutenção no óleo (ou até mesmo um óleo de baixa qualidade), uma troca de peça inadequada sem realizar balanceamento, rodar o motor com uma forma de giro não ideal, entre outros.

Um dos sinais de que a peça está com algum tipo de problema é o barulho do motor batendo, o que pode trazer vários problemas graves para o funcionamento não só do motor, mas também do carro. Esse barulho é maior quando o carro está frio, desaparecendo com o tempo de funcionamento, porém não significa que o problema sumiu.

Existe apenas uma forma de comprovar o problema: desmontar o motor e perceber de forma direta. Por tanto, a qualquer indicação de um mal funcionamento, a melhor opção é levar para um mecânico de confiança, para que o mesmo verifique o erro.

É indispensável a averiguação do problema, pois ele não irá se resolver sozinho, podendo, ainda, danificar outras partes do carro, aumentando não apenas seu custo na hora do conserto, mas podendo deixar você sem seu veículo por mais tempo do que o necessário.

Biela de um motor V8.

Como fazer a manutenção da biela?

Para manter a peça em boas condições de uso, é necessário que a manutenção seja feita periodicamente, com a mesma frequência do motor. É de suma importância que seja observado cada parte da peça, incluindo porcas, parafusos e todos os tipos de medida.

A manutenção geralmente é feita através da retificação. Porém, é preciso que o mecânico desmonte o motor e dê um banho químico em todas as peças, mergulhando-as em um tanque fechado com desengraxante, ficando imersas por algumas horas e passando por jatos de água para retirar toda a sujeira grudada na peça, para que então se inicie o processo de retificação.

É fundamental o uso de um desengraxante de boa qualidade para que essa limpeza seja realizada sem nenhum tipo de adversidade. Preferencialmente, use o desengraxante biodegradável Remoil 18, da TS Ambiental.

A base da formulação do Remoil 18 da TS Ambiental contém insumos derivados de extratos vegetais, o que permite entregar a você um produto de alta segurança e performance, em total conformidade com as normas técnicas exigidas.

É indispensável informar que esse produto não apresenta perigo para as pessoas, não contém líquido inflamável ou corrosivo e também não traz perigo para quem entrar em contato com o produto.

As matérias-primas não apresentam riscos para a saúde, seja com relação à estabilidade do produto, à toxicidade, ao contato com a pele, entre outros. É um produto seguro e de altíssima qualidade, que não gera resíduos, com alto rendimento e diluição. Ele irá facilitar a limpeza da sua peça e você ainda contribuirá para o meio ambiente utilizando um produto biodegradável.

Após realizar a manutenção da biela, caso não tenha trincos ou agravantes, ela pode ser reutilizada novamente sem maiores problemas.

Vale ressaltar que a manutenção dessas peças é essencial para que você não tenha nenhum tipo de contratempo em seu veículo, porém, para que seu funcionamento continue em alto nível, dê a devida atenção aos prazos de revisão e sinais que o seu veículo possa dar.

É preciso ouvir todos os sinais para que seja possível resolver qualquer tipo de problema da melhor forma.

Surgiu alguma dúvida? Existe algo mais que você queira saber sobre o tema? Lembrou de alguma situação que poderia ter sido evitada se você soubesse dessas informações com antecedência? Compartilhe com seus amigos para que eles possam se prevenir e conte nos comentários como foi sua experiência.

Share

Comments are closed.